segunda-feira, 26 de novembro de 2012

A Menina que Roubava Livros


Aqui vai mais uma dica para quem gosta de leitura. O Titulo? A Menina que roubava livros.

Com um nome sugestivo e uma narradora muito das loucas o Livro Narra, ou melhor, a Morte Narra uma Historia única em toda Alemanha Nazista.
Liesel Meminger parte rumo à adoção em um trem com sua Mãe e seu irmão mais novo, quando a Morte a encontra pela primeira vez. Neste dia ela vê seu irmão morrer e suas esperanças de ficar com a Mãe desaparecerem. Adotada por um casal humilde da rua Himel, Hans e Rosa Huberman, logo a garota encontra conforto nas palavras e nas amizades que faz ao longo do caminho. A Guerra e a Morte a espreitam de todos os lados, mas a Roubadora de Livros encontrará nas Palavras, um caminho para viver.
Eu particularmente amei o livro. (Nota 9). Mas considerem a nota um elogio, pois sou muito rigoroso. Mas meus amigos Amaury e Amanda Biazzi do Loucas ao Quadrado, também leram o livro e o presentearam com uma boa nota 10. Saiba Por que.
*Apesar de ser contada pela morte. Sem rodeios e com frieza, o livro nos joga na cara uma grande verdade: _Você irá morrer um dia.
*Max Vandeburg é um Judeu fugitivo que é acolhido por Hans e que acaba se tornando um meio irmão para Liesel, é só a narrativa simples e cruel da realidade vivida pelos alemães pobres e de “Raça inferior” na Alemanha Nazista.
*É... Ah! se eu contar tudo não tem graça né kkkk
Então não perca tempo. Procure-o nas Livrarias mais próximas, A Menina que Roubava Livros.
Abraços, #FUI :P

2 comentários:

  1. Pedro só não dá dez porque o personagem favorito dele morre no final. ADMITA! haha'

    Amanda Biazzi

    ResponderExcluir